MENU

MAIS VISTAS

Mãe flagra filho sendo estuprado dentro de casa pelo próprio pai POLÍCIA
Mãe flagra filho sendo estuprado dentro de casa pelo próprio pai
No dia das mães, filha expõe traição da mãe: ‘obrigada por ter ficado com meu marido’ BOMBOU NA NET
No dia das mães, filha expõe traição da mãe: ‘obrigada por ter ficado com meu marido’
Chocante: vídeo de mulher com a vagina infestada de vermes INTERNACIONAL
Chocante: vídeo de mulher com a vagina infestada de vermes

INFORME

Imagem Site RIMS

A Energisa Mato Grosso do Sul está entre as Melhores Empresas para Trabalhar, segundo o Instituto Great Place to Work (GPTW Brasil), que premiou nesta terça-feira (26/6) em Goiânia, 45 empresas da região Centro-Oeste que......

MÍDIAS SOCIAIS

  • Imagem Site Logar-se
a

Atletas atendidos pela Fundesporte são medalhistas internacionais

Campeão de kickboxing no México e vice-campeã de Kung Fu na China, Caiubi e Edineia se encontraram com o governador Reinaldo Azambuja para agradecer incentivo ao esporte em MS

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Atletas atendidos pela Fundesporte são medalhistas internacionais

Campo Grande (MS) – Atletas atendidos pela Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte-MS) se tornaram medalhistas mundiais. Nesta terça-feira (6.11), Edineia Camargo, praticante de Kung Fu, e Caiubi Ajala, lutador de Kickboxing, se encontraram com o governador Reinaldo Azambuja para agradecer o incentivo que o Governo do Estado dá ao esporte sul-mato-grossense.

Com 29 anos, Edineia é beneficiária do Bolsa-Atleta. Recentemente, ela esteve na China para participar da 9ª Copa do Mundo de Sanda, uma das vertentes do Kung Fu – competição de elite na modalidade. O evento foi realizado na cidade de Hangzhou, de 24 a 29 de outubro, com 60 lutadores de 23 países. “Fui a única representante das Américas e conquistei a medalha de prata”, conta a jovem.

Já Caiubi, de 28 anos, participou do Campeonato Panamericano de Kickboxing, realizado no México de 23 a 28 de outubro – com a participação de todos os países da América Latina em sete modalidades. O jovem se sagrou campeão, conquistando a medalha de ouro, na categoria 67 kg adulto, modalidade K1. “É uma conquista muito grande”, diz o rapaz, que pratica o esporte desde 2014.

Acompanhados do diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Miranda, os atletas se encontraram com o governador Reinaldo Azambuja para agradecer o apoio do Estado. “O Bolsa-Atleta é muito importante porque dá suporte ao treinamento. Hoje, no Brasil, infelizmente não são todos os atletas que conseguem se manter treinando. Muitos trabalham e treinam. Então, o programa te ajuda nisso”, explica Edineia.

Além do benefício, a Fundação contribui com passagens e hospedagens em locais de competição. “A Fundesporte nos dá oportunidades de chegarmos até lá. Tem muito atleta que tem condição. Então, a Fundesporte dá a chance de chegarmos e mostrarmos nosso trabalho”, conta Caiubi. “Essa também é uma forma de nos sentirmos motivados em mostrar resultados”, emenda.

Para Marcelo, a concessão de bolsas fixa o atleta no Estado. “Estávamos perdendo atletas para São Paulo, Minas Gerais e outros centros onde ficam os grandes clubes. Então, com o Bolsa-Atleta temos a possibilidade desses jovens ficarem aqui representando o Estado e recebendo esse benefício”, afirma ele, lembrando que o programa contempla técnicos e atletas, de bases aos profissionais.

No encontro, o governador agradeceu o empenho dos jovens e disse que eles são “espelhos para gerações mais novas”. “São exemplos para nossas crianças que estão começando”. Ele ainda lembrou que as inscrições para o Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico 2019 seguem abertas até quinta-feira (8.11). “É importante vocês continuarem para trazerem mais medalhas para MS”, finalizou.

A bolsa

Para o ano que vem (2019), os valores das bolsas tiveram atualizações. Ao todo são 190 bolsas. As estudantis são no valor de R$ 381,19; as nacionais de R$ 871,29; e as pódio também no valor de R$ 871,29. O Bolsa-técnico Escolar contempla treinadores com R$ 544,56 por mês e técnicos com R$ 816,84, para o Bolsa-técnico Nacional.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Olá, deixe seu comentário para Atletas atendidos pela Fundesporte são medalhistas internacionais

Enviando Comentário Fechar :/
Image
Top